Unidade Barueri / SP
Unidade Paulista / SP
08:30 às 17:30 faleconosco@inovecont.com.br
Quer Trabalhar Como Pj Descubra As Vantagens E Desvantagens.jpeg

Quer trabalhar como PJ? Descubra as vantagens e desvantagens

Trabalhar como PJ (Pessoa Jurídica) significa abrir uma empresa em seu nome e, por meio dela, prestar serviço à outra empresa que almeja contar com sua atuação profissional.

Vamos mostrar, a seguir, as vantagens e as desvantagens de se trabalhar como PJ. Porém, antes de tomar uma decisão definitiva neste sentido, não deixe de consultar um profissional de contabilidade, afinal de contas, é sua carreira que está em jogo!

Quais são as vantagens de trabalhar como PJ?

Entre as principais vantagens estão a oportunidade de maiores ganhos financeiros e a flexibilidade de horários. Vamos a elas:

Aumento salarial

Os valores que você pode ganhar ao trabalhar como PJ dependerão, obviamente, de cada empresa e segmento. De modo geral, no entanto, a variação positiva em seus ganhos pode chegar ao dobro em comparação a trabalhadores celetistas (isto é, contratados de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho – CLT) que realizam a mesma função. Além disso, é possível negociar benefícios com mais autonomia.

Salários mais altos são oferecidos porque a empresa com a qual você firma contrato consegue economizar bastante por não ter que despender recursos em licenças remuneradas, vales (transporte e refeição, por exemplo), Fundo de Garantia, 13° salário, férias, etc.

Horários flexíveis

Com horários flexíveis, a tendência é que você atue por mais horas (sem jornada de trabalho pré-fixada) e, com isso, aumente seus ganhos. Celetistas têm sua dinâmica de horários extremamente engessada: só podem trabalhar 44 horas por semana e em períodos fixos diários de 8 horas.

Se optar por trabalhar como PJ, não haverá o estabelecimento de nenhum vínculo empregatício com a empresa à qual você for prestar serviços. Sendo assim, você é livre para alternar seus horários entre diferentes trabalhos e atender outros clientes.

Quais são as desvantagens de atuar como PJ?

A CLT prevê para os trabalhadores uma série de benefícios, que visam protegê-los de mazelas sociais, como desemprego, demissões injustas, falta de proteção em casos de doenças e/ou acidentes, entre outras.

Ao trabalhar como PJ, você deixará de ter acesso aos chamados “benefícios sociais”, além de contar com menos estabilidade no emprego.

Ausência de benefícios sociais

Direitos como 13° salário, licença paternidade, FGTS, seguro-desemprego e aviso prévio são prerrogativas daqueles que trabalham como Pessoa Física (PF). Ao atuar como PJ, você deve ser bastante disciplinado quanto às suas finanças pessoais, salvando os recursos necessários para que não seja “pego de surpresa” caso adoeça, sofra um acidente ou tenha o contrato desfeito.

O aumento em seus ganhos, ao migrar de PF para PJ, deve ser realmente significativo e sua contabilidade deve ser perfeitamente executada para atender a estas eventualidades (uma boa ideia é fazer um plano de previdência privada), além de permitir um aumento em seu padrão de vida.

É cada vez maior o número de empresas que buscam contratar os serviços de quem se dispõe a trabalhar como PJ. Do ponto de vista da contratante, o corte de gastos faz com que seja uma opção muito interessante. E sob a perspectiva do trabalhador, esta pode ser uma boa oportunidade para acessar um mercado em crescimento.

Gostou do post? Então, assine nossa newsletter e fique sempre bem informado!

Quer receber artigos novos por e-mail? Increva-se!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.